Hotel Mariana


A maior tragédia socioambiental do país na voz de quem estava lá.

 

★★★★★

★★★★

★★★

Folha de S.Paulo
UOL - Blog do Arcanjo
Veja SP




Sinopse

Eram quase três e meia da tarde de 5 de novembro de 2015, um dia quente, como de costume no vale do Rio Doce, quando a barragem de rejeitos de minérios de Fundão, em Mariana-MG, com cerca de 55 bilhões de litros de lama espessa, rompeu-se sobre os distritos de Bento Rodrigues e Paracatu de Baixo. Depoimentos perturbadores e surpreendentes são colocados no palco e evidenciam a simplicidade de pessoas que perderam tudo ou quase tudo o que tinham. Da criança do grupo escolar ao velho da folia de reis, do ativista de direitos humanos à aposentada que escreve poemas, somos convidados a escutar os sobreviventes que, com suas histórias, traçam um panorama político, histórico e cultural do nosso país.




Elenco

Angela Barros
Anna Toledo
Bruno Feldman
Clarissa Drebtchinsky
Fani Feldman
Isabel Setti
Letícia Sobral
Marcelo Zorzeto
Munir Pedrosa
Rita Batata
Rodrigo Caetano




Equipe

Munir Pedrosa // idealização e pesquisa
Munir Pedrosa e Herbert Bianchi // dramaturgia
Herbert Bianchi // direção
Rodrigo Caetano // designer de luz
Marcelo Maffei // cenógrafo
Bia Pieratti e Carol Reissman // figurinos
Letícia Sobral // assistente de direção
Munir Pedrosa // direção de produção
Ricardo Bretones // operador de luz
Ricardo Bretones // assistente de produção




Prêmios e Festivais

PRÊMIO SHELL 2017 — Indicada na Categoria Autor (Munir Pedrosa e Herbert Bianchi).

MITsp 2018 - Mostra Internacional de Teatro, Seleção Oficinal no Panorama Brasil.




Críticas


"Em um tempo no qual a tendência do teatro brasileiro é o mergulho na própria subjetividade como se fosse a única expressão autêntica possível, é marcante em 'Hotel Mariana' o interesse pelo outro."

— Paulo Bio Toledo, Folha de S.Paulo

"O recorte dramatúrgico escolhido por Pedrosa e Bianchi é potente, não buscando maniqueísmos fáceis, mas, sim, expondo toda a complexidade do domínio financeiro e cultural que a mineração exerce nas populações simples do interior mineiro há séculos."

— Miguel arcanjo prado, uol — Blog do arcanjo

"Das peças mais importantes que vi no teatro nos últimos anos."

— Marici SalomÃo, crÍtica e dramaturga


"A possibilidade de tornar o real poético."

— Fernando Pivotto, Aplauso Brasil


"Só pelo tema tratado a peça causaria emoção e indignação mesmo que não fosse boa, mas se trata de uma das melhores montagens de 2017."

— JosÉ Cetra, Palco Paulistano


"Mais que uma peça de teatro, uma proposta inequívoca de reivenção da ética humanista."

— JoÃo Luiz Vieira, Bravo!



Vídeo